Representantes das 29 escolas que integram o Movimento Ecos em 2017 reuniram-se, no último sábado (10), para consolidar as parcerias do Projeto Socioambiental. O encontro foi realizado na Dom Helder Escola de Direito com a coordenação dos professores Francisco Haas, Pró-reitor de Extensão da Escola, Luiz Chaves, coordenador do Núcleo de Prática Jurídica (NPJ), José Cláudio Junqueira, do corpo docente do Mestrado em Direito Ambiental, e Elmo Júlio, que atua junto às escolas de ensino médio e fundamental.

Além da consolidação de parceria, os participantes discutiram a atuação do Movimento Ecos e o Edital Socioambiental de 2017, as estratégias para o desenvolvimento das temáticas, a caminhada ecológica, os critérios de avaliação dos alunos conforme regimento e as bolsas para o vestibular unificado Dom Helder/EMGE. 

Trânsito

Uma das instituições presentes ao encontro foi a Escola Estadual Flávio dos Santos, representada pela vice-diretora Elaine Casteluber e pela professora de biologia Elizângela Silva. De acordo com Elizângela, a proposta para este ano é continuar as ações para redução de resíduos e economia de energia, já realizadas pela Escola, e implantar um novo projeto, voltado para o trânsito.

“Estamos localizados em uma área de fluxo muito grande de veículos e pedestres. Além disso, temos observado a depredação das estações de MOVE próximas à Escola. Queremos sensibilizar os alunos e a comunidade”, conta a professora. O projeto será realizado em parceria com a BH Trans.

De acordo com a vice-diretora Elaine Casteluber, o Movimento Ecos foi um grande incentivo para a Escola se empenhar em ações de preservação do meio ambiente. “Participamos desde o início. Além de oferecer as bolsas de estudo, o Ecos nos ajuda a formar os alunos para serem líderes na sociedade. Para serem protagonistas, com consciência e cidadania”, afirma Elaine.