Torneio Jurídico de Debates Estudantil

Com o objetivo de enriquecer o conhecimento jurídico da comunidade acadêmica discente, a coordenação do Direito Integral instituiu o Torneio Jurídico de Debates Estudantil (TJD-e), competição interna na qual são debatidas questões de grande controvérsia no que concerne às grandes searas do direito. O TJD-e visa a, em cada edição, perscrutar três questões hodiernamente em pauta nos Tribunais Superiores e em debates doutrinários de forma a esgotá-las, permitindo o acesso aos participantes esquadrinhar o conteúdo que lhe é apresentado inicialmente em sala de aulas.

O TJD-e é, destarte, competição extremamente dinâmica, na qual concorrem entre si duplas formadas por discentes matriculados, ao menos, no quinto período. Os participantes devem ter conhecimento das três questões apresentadas, sendo que somente saberão qual o tema discutido às vésperas das respectivas fases orais. Além disso, os participantes não têm posição pré-fixada em relação à questão, de forma que em cada painel advogam uma posição contrária.

A competição é composta por sete fases, quais sejam: inscrição; homologação; pesquisa; saneamento; Rounds Classificatórios; Rounds Eliminatórios; e Round Final. Nestes, os competidores são chamados a pesquisar detidamente sobre os temas, expor seus fundamentos e defende-los, em atividade singular para desenvolvimento de sua retórica e desenvoltura.