Dom Helder conquista prêmio nos Estados Unidos pela segunda vez

O Grupo de Estudos em Direito Internacional Público (GEDIP), pela segunda vez consecutiva, conquistou o prêmio de melhor memorial escrito em português durante a 23ª Edição da Inter-American Human Rights Moot Court Competition.

A disputa aconteceu entre os dias 21 e 25 de maio na American University, em Washington. “Trata-se de um bicampeonato, conquistado nas duas primeiras participações da Dom Helder na competição. É um feito inédito!”, destaca Nathan Nascimento, integrante do grupo.

Durante a simulação, o estudante atuou como observador, juntamente com os colegas Guilherme Ribeiro e Pedro Ameno. Os competidores foram Urick Soares de Paula e Caroline Magalhães Carvalhais, ambos do sétimo período do Direito Integral. O professor André de Paiva Toledo, líder do GEDIP, prestou suporte e orientação aos alunos. Nesta edição, o tema em debate foi a violência de gênero e os Direitos Humanos.

GEDIP

A equipe conta ainda com as pesquisadoras Maria Luísa Brasil e Letícia Nogueira, que não participaram da viagem.

Saiba mais sobre a preparação do GEDIP para a competição!