Pular para o conteúdo

Direito subterrâneo é tema de dissertação




Entre junho de 2010 e junho 2011, o Rio de Janeiro registrou 22 incidentes relacionados à explosão de bueiros. O caso mais grave aconteceu em Copacabana e deixou um casal de turistas americanos gravemente ferido. Sara Nicole Lowry, de 28 anos, teve 80% do corpo queimado e ficou cerca de dois meses hospitalizada. O marido dela, David McLaugheim, teve queimaduras em 35% do corpo. Explosões semelhantes, evolvendo câmeras subterrâneas de empresas de energia, também foram registradas em São Paulo e Belo Horizonte.

Tendo em vista a gravidade da situação, e a ausência de informações e estudos sobre o tema, o pesquisador Sérgio Pacheco não hesitou: o uso e o controle do subsolo seriam o foco de sua dissertação de mestrado, que foi defendida na manhã desta sexta-feira (30), na Escola Superior Dom Helder Câmara. “Essa série de incidentes me gerou uma inquietação. Afinal, o que está acontecendo?”, questionou. Além das dúvidas, Sérgio foi motivado por sua experiência profissional como assessor jurídico da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), empresa na qual trabalhou por 32 anos.

Confira matéria completa e fotos no portal Dom Total!

QUER CONHECER A DOM HELDER E A EMGE MAIS DE PERTO?

Estamos de portas abertas pra você!

Agende uma visita Tour Virtual

© 2022 Escola Superior Dom Helder Câmara - Todos os direitos reservados - By: Renato Ferraz